# Godllywood # Godllywood Auto Ajuda

Rush Godllywood 2015 - Minha Segunda Chance


Pra entender melhor sobre o post de hoje é só dar uma passadinha nesse link aqui: Rush Godllywood



No ano de 2014 tivemos um Rush, do qual eu estava super ansiosa pra participar, queria muito fazer parte do grupo, mas ainda que as minhas intenções fossem as mais puras possíveis meus motivos não eram o correto. Na verdade eu queria um status, é preciso ter muita coragem pra admitir isso. 
Fiz os desafios por 5 meses, quando estava iniciando o sexto mês, que era dezembro, fui chamada para conversar com a Big Sister que toma conta do grupo Ester (mulheres casadas), no fundo eu sabia que nada de extraordinário tinha acontecido comigo, mas, mesmo assim, estava confiante que a resposta seria positiva, eu estava tentando enganar a mim mesma.
Quando cheguei a igreja da minha Big Sister, ela começou a fazer várias perguntas e minhas respostas iam de acordo com o relatório que a minha Sister fez sobre meu desempenho, isso pra ela foi decisivo. No fim da nossa conversa veio então a notícia: VOCÊ FOI REPROVADA!.

Naquele momento meu mundo desabou, só que, novamente, pelos motivos errados. Terminamos nossa conversa e sai da igreja meio que sem rumo, mas dentro de mim já latejava a certeza que a minha reprovação me ensinaria mais que minha aprovação. Claro que a princípio foi fácil dizer isso, porque já que eu estava fazendo tudo pelos motivos errados, minha vergonha era encontrar as pessoas e ter que contar que fui reprovada!

Somente com o passar do tempo e conversar com uma amiga linda (o que seria de mim se não fosse esses anjos que ele colocou no meu caminho) que, mais uma vez, me ajudou tanto com suas orientações, pude entender que fazer parte do grupo Godllywood é muito mais do que ter um status, é muito mais do ser orientada e ter os cuidados de mulheres de Deus que são suas vidas para nos ajudar, fazer parte desse grupo é: Se valorizar, ser melhor para nosso Deus e para os que amamos, é refletir exteriormente o nosso interior, e estar disposta a mudar mesmo que isso signifique ir na contra mão do mundo! O que de fato acontece.

O fato é que, pelos motivos errados eu perdi minha primeira oportunidade, mas agora pelos motivos certos, vou agarrar essa nova chance com muita coragem e disposição! A final de contas: Tudo coopera para o bem daqueles que amam a Deus, e Ele, eu amo demais.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sigam-me @fabianesabreu